Capa texto irmã Cristina Site páscoa.jpg

Ele vive

 A Páscoa é a festa das festas. É vida nova, é a vitória sobre a morte. Como celebrá-la, em tempos de pandemia?

Fazemos memória das celebrações presididas pelo Papa Francisco, em 2020, na Basílica de São Pedro, sem nenhuma participação de fiéis, apenas com a transmissão ao vivo. Em sua homilia, Francisco comparou os medos dos tempos atuais, àqueles experimentado pelos seguidores de Jesus, no dia seguinte à sua crucifixão. ‘Eles, como nós, tinham diante de seus olhos o drama do sofrimento, de uma tragédia inesperada que aconteceu de repente”, disse o Papa. “Naquele momento, também havia medo sobre o futuro e tudo que precisaria ser reconstruído. Para eles, como para nós, era a hora mais sombria”.

Francisco convidou os fiéis a semear “ sementes de esperança, com pequenos gestos de cuidado, carinho e oração”. Descrevendo a mensagem de Páscoa como uma “mensagem de esperança”, Francisco pediu aos cristãos que sejam “mensageiros da vida em tempos de morte”.  O Papa anuncia um contágio diferente, o contágio da esperança; celebrávamos a esperança de que logo tudo teria passado, mas o tempo passou e cada dia, muitas vidas a menos, e entre elas muitas pessoas a quem amamos e com elas convivemos.

Chegamos novamente à Pascoa da Ressurreição. Nossa esperança tem sido desfiada diariamente. Precisamos cultivar a fé, a solidariedade, abraçar um compromisso de mudança do estilo de vida, com respeito e cuidado, para conseguirmos superar a crise sanitária e experimentarmos a alegria da Ressurreição.

A Páscoa é, sobretudo vida. É a Vida que vence, é esperança, é reconstrução, é buscar vencer o medo, porque Cristo venceu a morte e ressuscitou para uma vida nova. É a renovação que encontra o seu caminho, que fundamenta nossa esperança, é a colheita definitiva da Vida, empurra-nos a sairmos de nós mesmos, de nossas seguranças para o encontro com o Ressuscitado, como aconteceu com os discípulos no caminho de Emaús: Jesus os encontra, caminha com eles, participa de suas dores e os encoraja; “não tenhais medo”.

Com Cristo ressuscitado e unidos entre nós, podemos experimentar a alegria da Ressurreição.

Feliz e santa Páscoa para todos! Paz e Bem

Irmã Cristina.

Capa convite celebração pascal Site pásc