Saúde mental I: Os desafios relacionais

Respeite o espaço do outro

 

É um desafio para as famílias que estão habituadas a ir para as suas atividades serem forçadas a esse período intenso de isolamento, ao mesmo tempo de ajuntamento em um mesmo espaço. Viver 24 horas juntos não é tarefa fácil. Vamos lá para algumas dicas:

 

  • Necessidade de aprender ou reaprender a ficar juntos no mesmo espaço de acordo com a diversidade de cada um. Lembre que quando se está de férias em família muitas vezes as crianças brigam justamente por carência de ficarem juntos.

  • Respeite o tempo de cada um sozinho: apesar de crescermos em um mesmo ambiente, com referências semelhantes, somos todos seres distintos. Cada um tem sua personalidade, sua forma de enxergar as coisas, seu momento e seu grau de entendimento.

  • Respeitar o tempo de cada um, especialmente em relação às crianças e adolescentes que estão ainda em formação. Para mantermos um lar equilibrado e feliz, devemos então dialogar. Nada funciona com imposição.

  • Os nossos limites: Pois é! Cada um de nós possui o seu limite. Quando aceitamos de que cada um possui suas limitações, aprendemos a cultivar a paciência. Estes itens com o anterior mostram que para construirmos um ambiente saudável e harmonioso é preciso levar estas regras à risca.

  • Respeitando o outro: É a soma destas ações observadas acima. Isso é fundamental para a convivência na sociedade, mas quando adentramos no âmbito familiar, acabamos esquecendo de que devemos nutrir este sentimento e aplicá-lo independente do momento e da pessoa que está a sua frente.

  • Pais, aproveitem  que estão passando pelo isolamento e façam com  que essa rotina gere benefícios como a possibilidade de desacelerar, acompanhar mais de perto a rotina escolar dos filhos, manter a casa mais organizada e curtir as crianças/adolescentes sem pressa.

 

Assim como os filhos precisam respeitar seus pais, os pais também precisam respeitar seus filhos, dando-lhes espaço e oportunidades para um diálogo franco e orientações positivas. Aproveite para criar ou reativar rituais familiares, como uma refeição familiar à mesa, uma nova receita em que as crianças e adolescentes se envolvam na preparação, assistir filmes ou jogos juntos.

 

Sugestão de leitura para meditar e refletir: Salmo 61 – Tranquilidade e serenidade interior.

Please reload

Posts Em Destaque

Saber cuidar para novos tempos – II

29.4.2020

1/10
Please reload

Posts Recentes
Please reload

Arquivo
Please reload

Procurar por tags